Você já teve a sensação de que não tem tempo para mais nada? Ou que precisa aprender mais sobre gerenciamento de tempo para poder dar conta de tudo que tem a fazer?

Milhões de pessoas no mundo todo sentem, assim como você, que a vida anda de forma tão acelerada que tudo o que sentimos é estresse, frustração e cansaço.

Ao mesmo tempo, essas mesmas pessoas de certa forma encontram tempo para interagir em grupos de Whatsapp, acompanhar futebol/novela/séries e ficar por dentro do que os portais de notícias andam publicando.

E se houver uma maneira melhor de gerirmos nosso tempo e nossa atenção? E se você conseguisse montar um ambiente em que conseguisse fazer as suas tarefas de forma com ordem, paz e sem ansiedade, angústia ou estresse?

Para conseguir isso, um bom passo inicial é aprender a gerenciar o seu próprio tempo. Para isso, veremos nesse artigo em detalhes:

  • Por que saber gerenciar seu tempo é cada vez mais importante
  • O que é (e o que não é) gestão do tempo pessoal
  • Os três simples passos para gerenciar melhor o seu tempo
  • Como gerenciar o seu tempo: 9 técnicas e aplicativos para facilitar a vida

Mesmo que você “não tenha tempo para mais nada”, separe alguns minutinhos para ler este post com atenção até o final. Você sairá dele muito melhor do que entrou.

Por que gerenciamento de tempo é cada vez mais importante

Por que Gerenciamento de tempo

Se você teve a sorte de nascer antes do boom da internet, deve ter uma certa lembrança de como era a vida antes de estarmos sempre conectados.

As coisas pareciam andar em uma velocidade mais devagar. Cada coisa vinha a seu tempo e, embora problemas como ansiedade e estresse existissem, eles pareciam afetar uma quantidade bem menor de pessoas.

Hoje em dia, impulsionados pelo trio internet, redes sociais e smartphones, nossa mania de grandeza nos faz querer abraçar tudo ao mesmo tempo.

Queremos ver todas as séries, acompanhar os canais no YouTube, ler tudo o que é livro, saber de todas as notícias, seguir webcelebridades e ainda sermos profissionais bem-sucedidos.

Mesmo que isso não seja humanamente possível, continuamos tentando. Sem nenhuma estratégia, tentamos alcançar as estrelas e acabamos com a cara no chão.

O dia continua com apenas 24 horas e nós continuamos nos frustrando cada vez mais. Estamos cada vez mais ocupados e cada vez produzindo menos.

Só que não precisa ser assim. E a melhor maneira de romper esse ciclo vicioso é aprender sobre gerenciamento de tempo.

O que é gerenciamento de tempo

O que é Gerenciamento de tempo

Gerenciamento de tempo é o processo de planejamento e execução do controle consciente sobre a quantidade de tempo gasta com atividades específicas, especialmente para aumentar a efetividade, eficiência e produtividade.

Nessa definição, a palavra mais importante é consciente. Conforme veremos a seguir, a gestão do tempo está muito ligada ao gerenciamento da sua própria atenção.

E saber como direcionar a sua atenção é um dos maiores segredos de produtividade (e até de felicidade) que um ser humano pode aprender.

Isso é muito mais efetivo do que simplesmente querer adicionar horas de trabalho ao seu dia para tentar dar conta de tudo.

Por isso que a primeira regra básica do gerenciamento de tempo é ter um maior autoconhecimento.

Só você pode dizer para onde o seu tempo está indo. E só você pode procurar entender porque decide usar o seu tempo da forma como o está utilizando.

Assim sendo, vamos ver os três passos que você precisa dar para começar a gerenciar melhor o seu tempo hoje mesmo.

3 simples passos para gerenciar melhor o seu tempo

Passo 1: Analise a sua situação atual

Gerenciamento de tempo como fazer

O primeiro passo é você analisar a sua situação atual.

Comece com os grandes blocos de tempo:

  • Quanto tempo você passa no trabalho?
  • Quanto tempo você fica dormindo?
  • Quanto tempo você gasta no deslocamento entre casa e trabalho?

Para a maioria das pessoas, esses são os três grandes blocos de tempo. Se você tiver outros (como faculdade ou outro curso, por exemplo), anote-o também.

Quase todos temos uma boa noção em relação aos grandes blocos. O problema está nos pequenos gastos de tempo:

  • Quantas horas por dia você passa nas redes sociais (Facebook, Instagram, YouTube, Twitter etc.)?
  • Quanto tempo por dia leva lendo e interagindo no Whatsapp?
  • Quantas vezes você checa aquele seu site de notícias ou blog favorito?
  • Quanto tempo passa respondendo e-mails?
  • Quanto tempo você desperdiça assistindo televisão, incluindo serviços de streaming como Netflix?
  • Quanto tempo passa com a sua família?
  • Quanto tempo leva fazendo

Existem formas de você rastrear exatamente quanto tempo gasta em cada atividade da sua vida.

Aplicativos como Moment para iPhone ou RescueTime para Android, Mac, PC e Linux automaticamente cronometram quanto tempo você passa em cada site, app ou rede social que visita.

Já para outras tarefas, como atividade domésticas ou tempo em frente à TV, você teria que ou cronometrar no relógio e registrar em uma planilha ou usar time trackings como o Toggl.

Passo 2: Determine a situação desejada

Como fazer Gerenciamento de tempo

Agora que você sabe onde está, determine para onde você quer ir.

Quantas horas você quer passar em atividades mais produtivas? Quantas horas quer reduzir em atividades puramente distrativas, como redes sociais e quejandos?

Este passo é de extrema importância. Muita gente diz que quer ser uma pessoa mais produtiva, mas a verdade é que no fundo nós quase sempre queremos atividades mais relaxantes e recreativas.

Não é por outro motivo que passamos tanto tempo nesse tipo de atividade, procrastinando para entrar nas tarefas que realmente importam.

Aqui mais uma vez o autoconhecimento é de extrema importância. Liste honestamente quanto tempo você quer passar em atividades importantes.

Comece pela sua escala de valores. Se você prioriza sua família, determine quanto tempo quer passar com seus familiares primeiro. Se seu foco está no trabalho, diga quanto tempo gostaria de passar efetivamente trabalhando.

Não elimine por completo suas distrações. As atividades distrativas também são necessárias. Separe tempo para o seu lazer. Ninguém é uma máquina de produtividade.

Passo 3: Planeje a transição

Gerenciamento de tempo

Você lembra quando fez uma atividade pela primeira vez?

A primeira vez que você nadou. A primeira vez que dirigiu um carro. A primeira vez que mexeu em um aplicativo.

No começo, todas essas atividades pareciam difíceis. Mas, com o tempo, seu cérebro vai a elas se adaptando e cada vez elas se tornam mais fáceis.

Da mesma maneira, não é do dia para a noite que você vai aprender a ser um mestre do gerenciamento de tempo.

O que você tem a fazer neste último passo é planejar uma transição gradual, para se tornar uma pessoa menos distraída e se tornar alguém com mais foco, concentração e produtividade.

Para isso, vamos sugerir 9 técnicas e aplicativos para você montar o ambiente perfeito para o seu gerenciamento de tempo.

9 técnicas e aplicativos de gerenciamento de tempo

1. O Círculo de Ouro

Você já parou para se perguntar por que você quer se tornar uma pessoa mais produtiva?

Por que diabos você quer ter menos atividades distrativas e assumir mais tarefas desafiadoras?

A maioria de nós parte direto pra o quê. Por algum motivo, dizemos a nós mesmos que queremos ser profissionais melhores. Que queremos ler mais livros. Ou fazer mais exercícios. Ou criar um projeto paralelo de trabalho.

Poucos são os que se perguntam por quê. Por que queremos fazer tudo isso?

Quando a sua motivação fica clara, todo o restante parece se encaixar de forma muito mais fácil.

No vídeo acima, Simon Sinek, autor do livro Por quê? Como grandes líderes inspiram ação explica o que ele chama de Círculo de Ouro.

De acordo com esse círculo, você deve começar sempre a traçar seus objetivos pelo porquê. Depois, você vai para o quê e o como.

2. Time Tracking

Gerenciamento de tempo

A mais básica técnica de gerenciamento de tempo é o time tracking. Em termos simples, essa técnica consiste em:

  1. Cronometrar quanto tempo você passa fazendo cada tarefa
  2. Analisar os dados consolidados para encontrar pontos de melhoria

Antigamente, isso era feito com um relógio e uma planilha. Atualmente, existem recursos que facilitam o processo. Vejamos alguns deles.

Rescue Time

Rescue Time

Falamos do Rescue Time mais acima. Esse é um programinha que, instalado no seu computador ou smartphone Android, rastreia automaticamente quanto tempo você passa em cada programa, aplicativo ou página na internet.

Ele também pode ser instalado como extensão nos navegadores Google Chrome ou Mozilla Firefox.

Com o tempo de uso, o Rescue Time gera relatórios gráficos mostrando em quais sites, programas e aplicativos você passa mais tempo.

Na versão paga, é possível bloquear os sites que mais tomam o seu tempo.

Moment

Moment App

Infelizmente, o Rescue Time não funciona no iPhone. A Apple possui certas restrições em seu smartphone que impedem o funcionamento do aplicativo.

Para contornar isso, existe o Moment. Este app rastreia quanto tempo você usa o iPhone por dia e, com um certo esforço extra, também quanto tempo você passa em cada aplicativo.

Toggl

Toggl

Existem dezenas de time trackers disponíveis no mercado. Nós gostaríamos de recomendar o que parece ser o mais simples deles, o Toggl.

O Toggl possui diversas extensões e integrações que permitem que você tenha um simples botão para rastrear tempo no seu computador, no navegador, no smartphone e em determinados aplicativos.

Por exemplo, se você usa aplicativos de gerenciamento de tarefas como Todoist ou Trello, pode integrá-los com o Toggl para verificar quanto tempo passa fazendo cada tarefa.

A versão paga permite ainda que você rastreie automaticamente o que acontece no seu dia dependendo da sua localização.

Essa funcionalidade, chamada Superday, usa o GPS do seu smartphone para verificar onde você está.

Por exemplo, se você está na academia ele registra como tempo fazendo atividade física. Se está no escritório, ele registra como tempo trabalhando. Se está no carro ou no ônibus, ele conta como tempo de deslocamento.

Limitless

Limitless Chrome Extension

Limitless é uma extensão para Google Chrome que pode ser utilizada como alternativa ao RescueTime.

O que ela faz é rastrear o tempo que você passa utilizando o navegador e, dentro desse período, quanto tempo você passa em cada tipo de site.

Além disso, o Limitless funciona como página inicial, informando de cara como anda o seu gerenciamento de tempo e fornecendo algumas informações úteis.

A desvantagem é que ele não rastreia o tempo que você passa utilizando programas ou aplicativos fora do navegador. Por isso, o Rescue Time ainda é uma opção superior.

3. Timebox

Time box

Timebox é provavelmente a mais efetiva técnica de gerenciamento de tempo já inventada. E o principal motivo de sua efetividade está em sua própria simplicidade.

Uma timebox nada mais é do que um pequeno bloco de tempo que você separa para se dedicar com foco total a uma só tarefa.

Por exemplo, digamos que você precisa escrever um artigo. Tudo o que você tem a fazer é, digamos, separar um bloco de tempo de 30 minutos.

Nesses 30 minutos, você faz um acordo consigo mesmo de que irá se dedicar única e exclusivamente à tarefa de escrever o seu artigo.

Você senta ao computador, liga um cronômetro regressivo no seu celular e simplesmente escrever. Ao final dos 30 minutos, o cronômetro vai tocar. E você descansa.

Se finalizou a tarefa, ótimo. Caso contrário, descanse um pouco e depois determine mais um timebox para avançar com a tarefa.

O segredo do timebox está na concentração durante a execução. Por isso, o ideal é desligar qualquer forma de distração. Deixe o celular no silencioso e virado para baixo. Feche qualquer programa que envie notificações. Desligue a internet, se possível.

Se algo vier à sua cabeça durante a execução da tarefa, anote rapidamente e volte o seu foco para a execução. No começo é difícil, mas com o tempo você ficará craque nisso.

A Técnica do Pomodoro

Uma forma de timebox que se popularizou bastante na internet é a Pomodoro Technique.

Segunda essa técnica, seus timeboxes devem ser de 25 minutos. Esse seria um tempo ideal para fazer uma tarefa com foco máximo.

Entre cada bloco de 25 minutos (ou um pomodoro), você faz um pequeno descanso de 5 minutos. E ao final de um ciclo de quatro pomodoros, você faz um descanso maior.

O vídeo acima explica claramente como funciona.

Está gostando deste texto?

Conecte seu Facebook para encarar desafios, encontrar parceiros e vencer seus objetivos. É gratuito, basta um clique no botão abaixo:

jfb_p_buttontext

4. Gamificação

Uma terceira técnica de gerenciamento de tempo que vem se popularizando é a gamificação. Que, em bom português, nada mais é do que transformar a sua própria vida em uma espécie de jogo.

Para utilizar essa técnica, você pode definir metas diárias de tempo e estabelecer recompensas para quando as atingir. Por exemplo, você pode se dar 15 minutos de navegação livre na web para cada 60 minutos de trabalho que completar.

O segredo aqui é ir dificultando o jogo, para fazer que você “suba de nível” conforme for se tornando melhor em gerir o próprio tempo.

Alguns aplicativos podem ajudar nisso. Vamos ver dois deles.

Karma no Todoist

Todoist Karma

Todoist é um aplicativo de lista de tarefas simples e poderoso.

Uma de suas funcionalidades chama-se Karma, criada justamente para gamificar a sua lista de coisas a fazer.

Com o Karma ativado, você conseguirá visualizar a quantidade de tarefas que tem cumprido no dia e acumular pontos.

É possível definir metas diárias, incluindo dias de descanso e diferentes objetivos para cada dia da semana. Quanto mais pontos você coleta, mais níveis você vai alcançando.

O bacana do Karma é que você pode acompanhar a sua evolução de forma bem visual, por meio de gráficos que mostram como você tem evoluído no jogo.

Habitica

Habitica

Habitica é um app para smartphones que procure gamificar a sua lista de hábitos, ou seja, de tarefas que se repetem rotineiramente.

O Habitica simula um jogo de RPG. Para cada hábito que você faz no dia, acumula pontos de experiência que vão enchendo sua barra de energia até que você passe de fase.

Todo mundo começa no nível 1 (Warrior) e vai evoluindo conforme o uso do aplicativo.

Além dos hábitos, também é possível usar o Habitica como lista de coisas a fazer, mas para essa finalidade o Todoist funciona bem melhor.

5. Bloqueios e Redirecionamentos

Se você “não consegue se controlar” quando o assunto é tempo desperdiçado em redes sociais e sites diversos, utilizar bloqueios e redirecionamentos pode ser uma ajuda para o seu gerenciamento de tempo.

O que você tem a fazer aqui é identificar os seus sugadores de tempo e depois instalar extensões ou aplicativos para bloqueá-los.

Aliás, em vez de simplesmente bloquear, você pode redirecionar o seu “problema” para a sua “solução”.

Por exemplo, digamos que você desperdice tempo demais no Facebook. Uma boa prática seria você redirecionar o Facebook para o Todoist.

Assim, quando você habitualmente digitar o endereço do Facebook no seu navegador, vai acabar caindo na sua lista de tarefas.

Freedom

Freedom App

Freedom é um aplicativo para você bloquear sites e apps no seu smartphone (iPhone e Android) e no seu computador (Windows e Mac).

A vantagem do Freedom é que você determina uma lista de bloqueios e ela funciona em todos os seus dispositivos de uma só vez.

Você pode determinar horários de bloqueio, redirecionamentos e tempo máximo permitido em cada site ou aplicativo.

Para casos extremos, o Freedom permite que você bloqueie “a internet inteira” para se concentrar na tarefa em mãos.

Embora seja pago, o preço é bem baixo e cobrado apenas uma vez ao ano. Vale a pena experimentar.

Block Site

Block Site Chrome Extension

Block Site é uma extensão gratuita para o navegador Google Chrome.

Como o próprio nome diz, a principal função da extensão é bloquear sites. Você instala e diz quais sites devem ser bloqueados. Quando você os tentar acessar, não conseguirá.

O Block Site ajuda no gerenciamento de tempo também redirecionando você para sites mais produtivos. Assim, quando tentar acessar aquele portal de notícias, pode ser automaticamente redirecionado para a sua lista de tarefas.

É possível configurar a extensão para que ela funcione apenas em determinados dias da semana (liberando os finais de semana, por exemplo) e até em determinados horários do dia (deixando o horário do expediente focado e o restante do dia livre, por exemplo).

5. Restrição de tempo

Se você acha o bloqueio muito radical, experimente apenas limitar o tempo permitido em cada rede social.

Lembra quando sua mãe dizia que você podia brincar por 30 minutos antes de fazer o dever de casa?

O princípio aqui é o mesmo. Os mesmos apps e extensões de bloqueio e redirecionamento podem ser utilizados para determinar certa quantidade de tempo que você pode passar em sites distrativos.

Você pode, por exemplo, definir que é permitido passar 25 minutos por dia no Twitter. Depois desse prazo, se você tentar acessar a rede social, será redirecionada para outra página que você definir.

Como dito, você pode usar o Freedom para restringir seu tempo em sites e aplicativos do celular. Existem extensões gratuitas para restrição apenas em sites, mas elas não bloquearão aplicativos no smartphone.

Vamos ver duas delas.

Nanny

Nanny Chrome Extension

O Nanny é uma extensão gratuita para Google Chrome parecida com o Block Site.

A diferença é que você pode limitar uma certa quantidade de tempo que pode passar em cada site.

Por exemplo, você pode permitir-se 10 minutos de Facebook a cada 2 horas. Ou 30 minutos de Twitter por dia.

Se for usar o Nanny, você tem que desativar o Block Site, ou as funcionalidades ficarão sobrepostas.

StayFocusd

StarFocusd Chrome Extension

Alternativa ao Nanny, o StayFocusd também funciona como extensão gratuita para o Google Chrome.

As opções são bem parecidas. Você pode predeterminar intervalos de tempo, tempos de restrição e redirecionamentos.

Qualquer das extensões escolhidas servirá ao propósito, embora o Freedom ainda seja superior por bloquear também programas e aplicativos.

6. Matriz de Eisenhower

Matriz de Eisenhower

De nada adianta você ser dominar técnicas de gerenciamento de tempo se não souber quais tarefas deve priorizar.

Para isso, uma dica é você utilizar o conceito dos quatro quadrantes de prioridade conhecidos como Matriz de Eisenhower, por ter sido elaborada por Dwight Eisenhower, Presidente dos Estados Unidos entre 1953 e 1961.

Assim, se uma tarefa é urgente e importante, você deve marcá-la no seu gerenciador de tarefas como “Prioridade 1”. Essas tarefas devem ser realizadas o quanto antes, pois já se tornaram uma crise ou incêndio.

Se for não urgente e não importante, coloque o marcador “Prioridade 4”. Essas açõem podem até ser ignoradas, já que não lhe trarão ganho algum, não passando de perda de tempo.

Já se a ação for urgente e não importante, marque como “Prioridade 3”. Essas são aquelas tarefas que representam perda de tempo, então o ideal é você delegar ou só fazer quando der.

Delegar tarefas, aliás, é uma das melhores coisas que você pode fazer para gerir melhor o seu tempo.

O ideal mesmo é você se focar cada vez mais nas tarefas importantes mas não urgentes, antes que elas se tornem urgentes e comecem a “injetar” estresse em você.

Marque-as como “Prioridade 2” e concentre-se nelas para desenvolver as melhores estratégias e ações planejadas.

Para a técnica funcionar, você precisa utilizar um gerenciador de tarefas que tenha marcadores de prioridade ou tags, como Todoist, Trello ou Microsoft To-Do (antigo Wunderlist).

7. Getting Things Done

Getting Things Done - GTD

Se você quiser integrar a Matriz de Eisenhower em um método mais completo de produtividade pessoal, recomendamos que utilize o Getting Things Done (GTD).

Esse é um método de produtividade criado por David Allen sobre o qual já falamos diversas vezes aqui mesmo no Mude.nu.

Usado de forma correta, o GTD vai permitir que você saiba sempre, de antemão, qual a próxima tarefa a ser feita, dependendo da prioridade, do contexto em que você está e dos projetos nos quais estiver trabalhando.

8. Inbox Zero

Inbox Zero

Inbox Zero (ou “Caixa de Entrada Vazia”) é um método criado por Merlin Mann (criado do site de produtividade 43 Folders) para aplicar técnicas de gerenciamento de tempo ao uso de e-mails.

Na época em que foi criado, os e-mails eram um grande problema de produtividade. Atualmente, o problema dos e-mails migrou para outras caixas de entrada, como as notificações do Whatsapp ou de gerenciadores de tarefas.

O Inbox Zero faz você compreender que a Caixa de Entrada tem esse nome por um motivo. Ela deve ser apenas o lugar onde os seus e-mails (e outras notificações) ficam quando chegam.

O erro mais comum que as pessoas cometem é usar a Caixa de Entrada como arquivo, onde ficam todos os e-mails. Inclusive misturando mensagens lidas com não-lidas.

A primeira regra do Inbox Zero: uma vez que a mensagem é aberta, ela não pode mais ficar na Caixa de Entrada. Nunca.

Passo a passo do Inbox Zero

Quando você abrir um e-mail, terá apenas quatro opções:

  1. Resolver: se o e-mail exigir uma resposta rápida ou uma ação que tome menos de dois minutos, resolva logo. Depois responda e/ou arquive. E fim de problema.
  2. Tornar acionável: se a mensagem exigir que você faça algo que requer mais de dois minutos, então ela terá que ser transformada em uma ação e colocada em outro canto. O ideal é resumir a ação em uma frase imperativa e colocar no seu gerenciador de tarefas.
  3. Delegar: encaminhe a mensagem para outra pessoa que seja responsável por responder a mensagem ou fazer a ação correspondente.
  4. Apagar: caso o e-mail não exija resposta nem ação, você deve simplesmente arquivá-lo, retirando-o da Caixa de Entrada. Com o Gmail, é fácil encontrá-lo depois pela busca.
  5. Adiar a leitura: esta última ação deve ser tomada apenas caso a leitura não seja urgente nem importante. Há casos em que queremos ler uma mensagem com mais calma depois. O que você pode fazer é encaminhar o e-mail para outros aplicativos, como Evernote, Read it Later, Pocket ou Instapaper.

Batched Inbox: e-mails só uma vez ao dia

Batched Inbox

Se você acorda e a primeira coisa que faz é olhar seus e-mails, ou se checa seus emails como a primeira coisa no seu trabalho, você está fazendo isso errado. Você está colocando a agenda das outras pessoas na frente das suas próprias prioridades.

O ideal é que você cheque seu e-mail apenas uma ou duas vezes ao dia e, quando fizer isso, deve processar todos os e-mails até deixar a caixa de entrada vazia, seguindo o método do Inbox Zero.

O app Batched Inbox serve para “segurar” os seus e-mails e só os liberar em determinados momentos do dia, que você mesmo define (só funciona no Gmail).

Por exemplo, se você define que os e-mails só devem chegar à sua caixa de entrada às 13h e às 20h, você não receberá nenhum e-mail antes ou depois desses horários.

As pessoas vão continuar mandando e-mails normalmente para você, mas eles não chegarão imediatamente, pois o Batched Inbox vai segurá-los.

Caso a sua profissão permita esse tipo de gerenciamento de e-mails, vale a pena testar.

9. 5am Club e a Fórmula 20/20/20

5am Club o que é

Robin Sharma, autor de O Monge que vendeu sua Ferrari, criou um gatilho de produtividade chamado 5am Club.

Segundo essa técnica, você deve acordar às 5h da manhã e dedicar a primeira hora do seu dia a um ritual matinal próprio.

Sharma recomenda que essa primeira hora siga a Fórmula 20/20/20:

  • 20 minutos para exercícios físicos
  • 20 minutos para planejamento do seu dia e das suas metas
  • 20 minutos lendo ou estudando algo novo

A fórmula é algo parecido com o que o autor Hal Elrod propõe em O Milagre da Manhã.

Para efeitos de prestação de contas, que comprovadamente ajudam a manter uma rotina, Sharma recomenda que os participantes do “clube” publiquem nas redes sociais fotos de seu #5amclub.

Nós não acordamos às 5am porque temos muito trabalho para fazer, ou porque queremos falar paras pessoas quão hard-working nós somos. É sobre fazer tudo dando o seu máximo para o seu negócio ser bem sucedido; e se isso significa que você tem que acordar num horário incomum para a maioria, então é provável que você comece a gostar do nascer do sol. ~ Richard Branson

Se você acha praticamente impossível acordar às 5h da manhã, experimente o aplicativo Sleep Cycle (para iPhone e Android).

Conclusão: um roteiro para você se tornar o mestre do gerenciamento de tempo

Gerenciamento do Tempo

Olhando em retrospectiva, pode parecer complicado dominar a arte do gerenciamento de tempo.

No entanto, garantimos que é bem mais simples do que ficar alternando dezenas de abas no seu navegador, pulando de rede social em rede social, só para chegar ao final do dia com aquela sensação de que não deu tempo de fazer nada.

Eis um roteiro simples para você começar a mudar hoje mesmo:

  1. Siga o roteiro de três passos: analise sua situação atual, veja onde quer chegar e planeje sua transição
  2. Separe um tempo para instalar no seu computador e no seu celular os aplicativos e extensões que façam sentido para a sua situação
  3. Foque simplesmente em começar hoje e melhorar um pouquinho a cada dia

Pareceu mais simples agora? Esperamos que sim.

Caso tenha restado alguma dúvida, ou caso você tenha alguma técnica ou aplicativo a compartilhar, deixe um comentário logo abaixo que teremos o maior prazer em responder.

André Valongueiro

André Valongueiro é coach, educador e escritor. Vive a vida nos seus próprios termos, viajando o mundo enquanto trabalha 100% online. Aprendeu a arte de realizar sonhos com paz e sem ansiedade e quer ajudar você a fazer o mesmo. Visite o blog pessoal.

Walmar Andrade

Walmar Andrade é bacharel em Comunicação Social, com extensão em jornalismo on-line (UFPE), MBA em Planejamento, Gestão e Marketing Digital (FECAP-SP) e Master en Comunicación Empresarial (INSA-Barcelona). Escreve sobre comunicação e marketing digital no blog Fator W.

6 Comentários

  1. Muito interessante,alguns aplicativos muito fácil de se utilizar.

    Responder
    • Faça bom uso do que lhe parecer mais interessante e adequado, Joselina. Um ótimo dia pra você!

      Responder
  2. Excelente texto como sempre André. A arte de viver a vida com simplicidade e ordem tem sido um valioso aprendizado.
    Grande abraço

    Responder
    • Fala, Renato. Obrigado, meu velho! É uma arte que definitivamente faz a diferença, fico feliz que você também seja um adepto dela. Um abraço!

      Responder
  3. Excelente artigo, um resumo prático de ferramentas para vencer procrastinação e controlar o tempo.

    Responder
    • Obrigado, Matthaeus. Espero que faça bom proveito das sugestões e dicas. Um abraço e sucesso!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3.099 membros Ícone do Desafio jfb_p_buttontext

Não perca essa oportunidade:
Comece a mudar agora mesmo

Basta um clique no botão abaixo:

jfb_p_buttontext