Será que existiria algum método que permitisse que as pessoas que o aplicassem pudessem vencer qualquer um dos desafios listados no Mude.nu?

É difícil acreditar que sim. Teria que ser algo que servisse para coisas tão diferentes quanto conquistar independência financeira ou surfar; morar fora do Brasil ou completar uma prova de corrida; tocar um instrumento ou voar de asa delta.

Eu comecei a fazer essa pergunta enquanto estava trabalhando na Academia de Pilotos Mude.nu, um projeto de curso on-line no qual estou trabalhando desde o começo de 2013 e que irá ao ar ainda nesta semana.

Depois de muitos debates na lista interna do Mude.nu, chegamos a conclusão que sim, existe um método que dá para ser aplicado para qualquer desafio, inclusive para aqueles que nem estão ainda no Mude.nu. Estamos chamando esse método de Plano de Voo, e eu explico um pouco sobre ele abaixo, no meu primeiro vídeo para o Mude.nu :)

https://www.youtube.com/watch?v=bokAsgy7Vus

Para elaborar o Plano de Voo, pesquisamos mais de uma dezena de livros, incluindo:

  • The Four Hour Chef, de Tim Ferriss
  • Outliers, de Malcolm Gladwell
  • Getting Things Done, de David Allen
  • The First 20 hours, de Josh Kaufamn
  • Making it all work, de David Allen
  • O Poder do Hábito, de Charles Duhigg
  • Os 7 hábitos das pessoas altamente eficazes, de Stephen Covey
  • The Power of Less, de Leo Babauta
  • Zen to Done, de Leo Babauta
  • Re-Awaken the Giant Within, de Anthony Robbins
  • A Lei do Triunfo, de Napoleon Hill
  • Plasticity and Signal Representation in the Auditory System, de Michael Merzenich
  • O Princípio 80/20, de Richard Koch

O nosso maior desafio foi trazer alguns desses conceitos para a realidade brasileira e também para a era da tecnologia da informação. Alguns desses livros são clássicos, mas escritos em épocas completamente distintas. E mesmo os mais recentes por vezes falam de um contexto completamente diferente do que vivemos no Brasil.

O Plano de Voo será completamente detalhado na Academia de Pilotos, mas neste post eu gostaria de falar especificamente sobre como você pode vencer qualquer desafio. Durante o texto, eu vou sempre exemplificar com o desafio de “Entrar em forma”, que é atualmente o mais popular do Mude.nu, com 2.448 participantes no momento em que escrevo.

Passo 1: Desconstrução

desafio de lego

Tim Ferriss fala que é possível você atingir um nível mundial em qualquer habilidade em seis meses ou menos desde que consiga desconstruir o que você quer aprender e olhe para que os extremos estão fazendo e procure o melhor material disponível.

Ferriss diz que você deve esquecer a média das pessoas, ou tudo o que você vai conseguir são resultados medianos. A tese dele contrapõe-se ao que Malcolm Gladwell fala no livro Outliers, em que afirma que para ser um fora de série você precisa de cerca de 10 mil horas de treinamento.

Qual deles está certo? Não importa. Você provavelmente não quer ser top mundial em alguma coisa, quer apenas cumprir um desafio. E, para isso, a primeira coisa que precisa fazer é desconstrui-lo.

Nas palavras de Ferriss, você deve se perguntar: “Quais são as unidades mínimas aprendíveis, os blocos de lego com os quais eu deveria começar?”.

Passo 2: Seleção

O segundo passo é utilizar o Princípio de Pareto e se perguntar “Em qual 20% desses blocos eu devo focar 80% dos meus esforços para conseguir o que quero?”.

Segundo Joseph M. Juran, para boa parte dos acontecimentos sociais, 80% das consequências advêm de 20% das causas. Ou seja, você só precisa se concentrar em 20% dos blocos de conhecimento que listou no passo anterior.

Seguindo com o exemplo do desafio “Entrar em forma”: Como eu falei no meu livro Ano novo, corpo novo, se você retirar apenas dois ingredientes da sua alimentação (o açúcar e o trigo), já terá realizado 80% do trabalho necessário para uma reeducação alimentar.

Passo 3: Sequenciamento

Depois, você precisa pegar esses 20% dos mais importantes blocos de conhecimentos e colocá-los em uma sequência lógica.

Por exemplo, se você está fora de forma deve primeiro fazer exercícios físicos ou primeiro mudar a alimentação? A ciência diz que você deve primeiro mudar a sua alimentação!

Se você tem um corpo mal nutrido, desgastá-lo fisicamente por meio de exercícios antes de nutri-lo adequadamente é receita certa para você desistir antes da hora.

Conhecimento é poder, mas deve estar na ordem certa para poder funcionar.

Passo 4: Apostas

Por fim, pergunte-se como você pode criar apostas, criar consequências reais e assim dar uma garantia de que vai seguir a sequência.

O Conrado Navarro, do site Dinheirama, deu um exemplo muito bom no post sobre os 14 passos para você cumprir suas metas em 2014. Vamos relembrar:

“Eu uso uma técnica das mais antigas para manter-me motivado em relação aos meus objetivos pessoais e profissionais: eu os torno públicos. Claro que com isso quero dizer que é importante que você registre seus objetivos (o ato de formalizá-los começa a torná-los importantes e aciona o comprometimento) e então conte para as pessoas importantes de seu círculo familiar e de amizades. Vou dar um exemplo: eu queria publicar mais um livro em 2013 e contei isso para esse grupo. Sempre nos encontros e reuniões, ouvia deles E o livro para este ano, Conrado? Está saindo?. Essa “cobrança” (entre aspas porque é uma situação proposital que eu mesmo criei) cumpriu seu papel e contribuiu para o resultado que foi a publicação de Dinheiro é um Santo Remédio”.
Conrado Navarro

Conrado Navarro,
criador do Dinheirama

Outro colaborador deste mesmo post que usa bastante o poder das apostas é Paulo Roberto Ribeiro, do site Estrategistas.

Lembro de há algum tempo ter visto ele no Twitter anunciando publicamente a meta de escrever uma quantidade específicas de páginas por dia para um livro no qual estava trabalhando. Com a aposta pública, a meta foi batida!

Estranhamente nós somos muito melhores em cumprir compromissos que assumimos com os outros do que com aqueles que assumimos apenas para nós mesmos. E nós vivemos na melhor era de todos os tempos para fazer isso. Você pode anunciar para o mundo inteiro o que quer fazer com apenas alguns cliques. Faça uso dessa oportunidade!

Por exemplo, você pode anunciar a sua dieta e o seu plano de exercícios para o mundo por meio do Facebook, do Twitter, do Instagram ou aqui mesmo pelo Mude.nu.

Eu gosto de citar o exemplo do meu conterrâneo Marcus Andrey, que já perdeu mais de 40 quilos com o que ele chama de Dieta da Rede Social.

Marcus Andrey antes e depois da Dieta da Rede Social.

Marcus Andrey antes e depois da Dieta da Rede Social.

Tudo o que Andrey fez foi criar um blog simples e começar a chamar voluntários pelas redes sociais para fazer uma simples caminhada com ele. Em um ano, mais de 300 pessoas se voluntariaram para as caminhadas aqui pelo Recife. No final de um ano, Andrey já havia caminhado 3 mil quilômetros, ou a distância entre Recife e São Paulo!

Fazer o que sabe

Esse método de desconstrução é explicado também por Josh Kaufamn, embora ele adicione mais passos. O método de 4 passos é chamado por Tim Ferriss de DiSSS (acrônimo para Desconstruction, Selection, Sequencing e Stakes). Nós preferimos esta segunda abordagem, por ser a maneira mais simples para você aprender o que fazer.

Só que não adianta nada saber o que fazer se você não sabe o que faz.

Por isso, depois de aplicar o método DiSSS, o passo seguinte é colocar os projetos que dele decorrem dentro de um sistema confiável e lógico.

A ideia é que você saiba exatamente o que fazer em qualquer situação. E para isso nada melhor do que o famoso sistema de produtividade pessoal GTD, de David Allen.

No Plano de Voo nós fizemos uma abordagem mais ampla do GTD, começando desde os princípios que governam a sua vida até a próxima ação que você terá de tomar.

Por que isso?

Porque muitas vezes as pessoas tomam conhecimento do GTD e começam a realizar ações que nem umas loucas, só por fazer pelo fazer. Isso pode deixar você se sentindo produtivo, mas carece de um significado mais profundo.

Semana passada eu ministrei dois workshops sobre produtividade pessoal no Recife. Um foi aberto ao público e o outro foi in company, para uma das maiores redes hoteleiras do país. Percebi que uma coisa que as pessoas se esquecem de se perguntar antes de tentar ser mais produtivas é:

Por que você faz o que você faz?

São questões como essas que queremos discutir na Academia de Pilotos.

Semana passada, ministrando workshop de produtividade pessoal.

Semana passada, ministrando workshop de produtividade pessoal.

Além disso, nós fizemos duas mudanças essenciais no GTD:

  1. O foco na formação de hábitos: algo que David Allen meio que deixou de lado e que Leo Babauta e Charles Duhigg abordam com maestria em suas obras, sendo um mais prático e outro mais científico
  2. A diferença entre projetos e desafios: para que os grandes sonhos da sua vida não fiquem em uma mesma lista que “Arrumar a pia da cozinha” como acontece com o método de David Allen

No final das contas, o Plano de Voo fica desta forma:

plano-de-voo

Eu sei, a imagem é muito pequena. Então eu estou liberando para download em PDF a versão em alta resolução do Plano de Voo, se você quiser estudar por conta própria. Você pode baixá-la neste link, ou clicando na imagem acima.

Vá com tudo no seu desafio!

O último conselho que eu gostaria de dar para você vencer qualquer desafio é: vá com tudo!

A premissa é a seguinte: o que você acha que aconteceria se você, em vez de ficar apenas sonhando com um objetivo, investisse tudo o que tem para alcançá-lo? Digo tudo mesmo, sem economizar tempo, dinheiro nem esforços. Em outras palavras, o que aconteceria se você botasse pra quebrar?

Você pode usar uma combinação de diversas técnicas para vencer os seus desafios, incluindo:

  • Compromisso público e apostas
  • Timebox
  • Metas Smart
  • Mini metas semanais
  • Substituição de hábitos e lista de hábitos
  • Jejum de redes sociais/Dieta de informação
  • Matriz de Eisenhower
  • TMI (Tarefa Mais Importante do Dia)
  • Acompanhamento de dados
  • Diário, blog, vídeolog, fotos diárias
  • Recompensas
  • Profissionais pagos

Você pode usar uma ou todas essas técnicas para arrancar rumo aos seus desafios, começando desde já. Não precisa nem esperar 2014!

Meu sonho é ver cada vez mais pessoas vencendo os desafios do Mude.nu e compartilhando suas experiências. Espero que isso aconteça mais com a ajuda deste vídeo e deste post.

Desejo o melhor para sua vida!

André Valongueiro

André Valongueiro é coach, educador e escritor. Vive a vida nos seus próprios termos, viajando o mundo enquanto trabalha 100% online. Aprendeu a arte de realizar sonhos com paz e sem ansiedade e quer ajudar você a fazer o mesmo. Visite o blog pessoal.

9 Comentários

  1. [email protected]
    tenho interesse no curso

    Responder
  2. Ótimo texto André!
    Vou seguir muitas das dicas dadas por você para realizar meus objetivos de 2014! =)

    Responder
    • Obrigado, @Ricardo_Costa

      Boa sorte para você com os objetivos e metas para 2014. Já estamos entrando em Fevereiro, vamos correr com isso!

      Um abraço e tudo de bom!

      Responder
  3. Muito bom, era isso que eu procurava a tempos.

    Responder
    • Faça bom proveito, @Carlos_Alexandre3!

      Esse é o método que eu tenho usado para aprender praticamente todas as coisas que desejo. É algo realmente muito inteligente e que funciona muito bem.

      Um abraço!

      Responder
  4. É necessário conhecimento, planejamento..e depois é só por tudo em pratica.

    Responder
  5. Valeu André, tenho recebido seus emails e repassado-os a minha esposa.
    Acredito que a mudança tem que ocorrer em todos os níveis, inclusive o familiar, e se quem está junto a você muda e melhora isso te motiva a ir um pouco mais além.

    Responder
  6. Muito bom, gostaria de participar na próxima turma.

    Responder
    • Você ficará sabendo quando as inscrições estiverem abertas, Carlos. É só ficar de olhos nos meus e-mails. Um abraço!

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3.282 membros Ícone do Desafio jfb_p_buttontext

Não perca essa oportunidade:
Comece a mudar agora mesmo

Basta um clique no botão abaixo:

jfb_p_buttontext