Por que os hábitos são a chave para mudar de vez a sua vida

Quando falamos em mudar de vida, pensamos logos em grandes reviravoltas. Lances gloriosos que, em uma tacada só, sejam capazes de alterar a maneira como estamos levando nosso dia-a-dia.

A verdade, contudo, é que o grande segredo para mudar de vez a sua vida reside no poder dos hábitos, das pequenas coisas que fazemos dia após dia.

Seja qual seja a sua meta, é através da formação de bons hábitos que você conseguirá atingi-la da maneira mais eficiente. Aristóteles definiu o hábito como o grande princípio regulador da ação. Se formos parar para pensar, é até óbvio: nós fazemos aquilo que estamos acostumados a fazer. Se queremos mudar, teremos que fazer repetidamente coisas diferentes.

O melhor jeito de entender o poder dos hábitos é imaginar uma estrada que seja construída verticalmente. Você sabe, as estradas são construídas de maneira horizontal: a cada dia, o construtor vai avançando alguns metros, até que o caminho entre o ponto A e o ponto B esteja pavimentado.

Construir uma estrada verticalmente seria como se o construtor fizesse um fiozinho de estrada do ponto A ao ponto B em um dia. No dia seguinte, juntaria a ele outro fiozinho. E outro. Até que a largura da estrada estivesse completa.

 Por que os hábitos são a chave para mudar de vez a sua vida

No começo, apenas formigas conseguiriam ir lentamente do ponto A ao B. Depois, um inseto maior. Em um mês, quem sabe passasse por ali uma moto ou bicicleta. Com o acúmulo do tempo, entretanto, você pode ter sete ou oito faixas de carros de alta velocidade trafegando ali.

Quando queremos formar um novo hábito, vamos do ponto A ao B em um dia. Se você quer criar o hábito de se exercitar, por exemplo, quando se exercita em um dia, foi do ponto A ao B. Era alguém que não se exercitava e se exercitou. A primeira vez é sempre a mais difícil, pois é preciso interromper o hábito de não se exercitar.

Se, no segundo dia, você se exercita novamente, automaticamente reforça o hábito. Sua estrada vai ficando mais larga. Caso mantenha o novo padrão de comportamento, muito em breve estará formado em seu cérebro um caminho neural que vai levar você a agir sistematicamente da forma como quer agir.

Isso não é apenas teoria, é algo físico. Neurocientistas já comprovaram que pessoas que fazem repetidamente uma tarefa possuem a região do cérebro responsável por tal tarefa fisicamente mais desenvolvida do que uma pessoa comum.

“Nós somos aquilo que fazemos repetidamente. Excelência, então, não é um modo de agir, mas um hábito.” – Aristóteles

O poder do hábito é que você só precisa se esforçar para formá-lo. Depois, agir da maneira como quer será algo natural para você. Não é possível precisar um tempo para a formação de um hábito, porém fala-se muito em 21 ou 30 dias ininterruptos.

Ferramentas para acompanhar hábitos

Se você está empenhado em formar um hábito, uma boa maneira é ir marcando em um calendário os dias em que você toma a ação que necessita. Evite ao máximo quebrar a corrente, pois aí terá que recomeçar sua contagem do zero.

Existem ferramentas on-line que ajudam nesse tipo de acompanhamento. A mais famosa delas é Joe’s Goals. Fácil de usar e gratuito, o site permite que você adicione tantos hábitos quanto queira e vá acompanhando seu desempenho através de pontos.

Você pode também fazer uma planilha na qual as linhas sejam os hábitos que você quer formar (tente formar poucos por vez, para se concentrar neles) e as colunas sejam os dias. Defina uma meta e siga em frente, reforçando sua estrada um fiozinho de cada vez.

Curta nossa fanpage para receber mais conteúdos como este: 

Encare o desafio

Um comentário

Deixe um comentário

jfb_p_buttontext

para publicar um comentário

saiba como funciona