Existe um grande mal na humanidade que recebe bem menos atenção do que deveria. Esse mal pode estar sendo o seu grande inimigo na busca por uma melhor qualidade de vida. Na verdade, ele pode estar lentamente matando – não apenas seus sonhos – como também seu próprio corpo.

Este mal chama-se pensamento de curto prazo.

Para entender por que ele é tão pernicioso, precisamos lembrar um conceito básico de psicologia que diz que todas – absolutamente todas – as nossas ações são tomadas levando em conta a relação entre dor e prazer.

Conscientemente ou não, sempre que fazemos algo, estamos calculando se aquilo vai nos trazer mais dor ou mais prazer. Se o balanço pende mais para a dor, evitamos fazer. Se pende mais para o prazer, seguimos em frente.

Pensamento de curto prazo

Quando pensamos em curto prazo, acabamos tomando decisões equivocadas. O exemplo clássico é o da comida. Diante de um brigadeiro, você tem o prazer imediato do palador e a dor distante da obesidade, diabetes e outras doenças. Se pensa apenas no curto prazo, vai comer o brigadeiro sempre que ele aparecer na sua frente.

O mesmo se aplica em outras áreas. Quando você deixa de ir para a academia ou para aquela caminhada no parque, está pensando na dor do exercício imediato versus no prazer de ficar jiboiando na cama. Não pensa que, se não mexer seus músculos, vai acabar gordo, frágil e doente com o passar dos anos.

Procrastinação – que é o hábito de deixar para depois o que você deveria estar fazendo – também se baseia no mesmo aspecto. Você tem até 30 de abril para declarar o Imposto de Renda, mas essa é uma atividade chata, a que você associa dor. Então simplesmente não faz e vai protelando, até chegar perto da data limite.

Aí algo acontece: a dor da multa que virá se você não fizer a declaração torna-se maior do que a dor de ter que preparar a declaração. Aí finalmente você age.

O Teste do Marshmallow e o Pensamento de Curto Prazo

Para ilustrar como o pensamento de curto prazo pode ser prejudicial, veja esse divertido vídeo. Em um teste, crianças recebem um marshmallow e são avisadas que tem duas opções:

  1. Comer o marshmallow e não ganhar nada
  2. Esperar 15 minutos sem comer o marshmallow e ganhar outro

Qual terá sido o resultado para essa oferta de compensação de 100% por uma espera de apenas 15 minutos?

Está gostando deste texto?

Grandes mentes pensam a longo prazo

Por que você acha que os grandes realizadores da humanidade são chamados de visionários? Essas pessoas estão pensando sempre a longo prazo. Podem estar enfrentando pequenas dores hoje para obter um prazer muito maior lá na frente.

Juntando um pouco de dinheiro agora você pode ter sua independência financeira em alguns anos.

Suando um pouco na academia hoje você pode ter o corpo dos seus sonhos em alguns meses.

Trocando o brigadeiro por uma maçã agora você pode elevar seus níveis de saúde e energia amanhã.

Os exemplos vão e vão, mas o importante é a prática: sempre que você se pegar procrastinando, ou fazendo algo que você sabe que não deveria estar fazendo se quer realmente mudar de vida, procure mudar a perspectiva. Em vez de pensar apenas no prazer ou na dor imediata, pense no que aquilo vai lhe custar dentro de algum tempo, mais para a frente.

Um amanhã de realizações plenas começa a ser construído hoje.

Receba as atualizações

3 Comentários

  1. Já havia lido algo semelhante nos ensinamentos budistas. Eles falam que toda nossa vida é baseada em buscar felicidade e evitar o sofrimento. Acho que é isso que você quis falar com dor e prazer, não?

    Vou procurar ser um visionário também :)

    Responder
  2. Esse texto nos ensina muito.
    Ajuda a abrirmos nossos olhos e pensarmos mais no futuro, a entendermos que o amanhã será consequência do que hoje fizemos!
    Devemos viver o hoje de forma que no amanhã tenhamos bons frutos do que hoje plantamos.
    A dor é inevitável, o sofrimento é opcional! A dor é a semente de conquistas prazerosas no amanhã!
    Viva o hoje com consciência, e terás um amanhã gratificante!
    Uma vida bem estruturada tem seu alicerce, e é dia após dia em nossas atitudes positivas ou negativas que estamos construindo nosso alicerce!
    Texto inspirador! Parabéns!

    Responder
  3. Quase toda vez que eu penso em comer um brigadeiro ou doce fora de hora eu lembro desse post. Obrigada!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *