E se eu dissesse que você pode ser totalmente preguiçoso e irresponsável e ainda assim fazer muito do que precisa ser feito?

E se eu dissesse que você pode ficar se espreguiçando, se demorando e essencialmente não fazendo nada e completar mais tarefas do que a média da população? Isso é uma arte, mas você pode dominá-la com alguma prática.

Algumas dessas coisas podem parecer bem trabalhosas, mas é o preço que você tem que pagar para curtir sua preguiça durante todo o dia.

1. Seja efetivo

O preguiçoso cacique indígena sabe o valor do trabalho duro. Mas também sabe que ele pode completar mais tarefas facilmente e mais eficientemente sendo efetivo. Isso significa focar nas coisas que realmente importam. O que importa mais para você, ter um código de cores para roupas de baixo ou escrever aquele livro sobre dominação mundial sobre o qual você tem falado nos últimos 12 anos?

Foque em ser efetivo, em vez de tentar fazer tudo perfeitamente. Deixe as coisas acontecerem, deixe a casa ficar um pouco bagunçada, deixe a sua mesa ser um pouco menos que imaculada. Deixe sua caixa de e-mail ficar cheia por um dia. Qualquer coisa para focar no que realmente importa.

2. Faça sua pesquisa

Isso pode não parecer algo que um preguiçoso faria, mas é essencial se você quer passar um bom tempo fazendo coisas que você curte fazer. Se você quer trabalhar menos, é importante que faça sua pesquisa. Estude tendências, siga o que os grandes players de seu ramo. Se você souber a hora e o lugar certos para agir, você pode estar milhas além dos outros que estão simplesmente trabalhando duro, esperando que as coisas melhorem por si mesmas.

Bicho preguiça com preguiça gigante

3. Siga seus instintos

Pessoas que trabalham duro e conquistam pouco passar um monte de tempo pensando sobre a melhor maneira de agir. Eles planejam incessantemente. O que eventualmente acontece é algo para o qual eles nunca traçaram nenhum plano. O preguiçoso sabe que planejamento é útil, porém geralmente também é supervalorizado. É melhor agir de acordo com os seus instintos do que ter um plano super-ultra detalhado que você simplesmente vai jogar fora depois.

4. Conhecer pessoas

Um preguiçoso esperto entende a importância das relações. Ele sabe que pode completar mais tarefas ajudando outros e cooperando. Não é sempre sobre o que você pode fazer, mas sobre quem você conhece. Se você puder focar em ajudar os outros o tanto quanto possível, você vai naturalmente criar relacionamentos significativos com outras pessoas. É sempre muito mais fácil ter ajuda de outras pessoas as quais você ajudou no passado.

5. Elimine reuniões e outras coisas que não importam

Reuniões são geralmente improdutivas e um gasto de tempo para todos. Elas são geralmente irrelevantes para a maioria dos envolvidos. O objetivo da maioria das reuniões pode normalmente ser conseguido com um simples e-mail ou telefonema. Se a reunião não requer um alto nível, tomada de decisões estratégicas, tente cair fora sempre que possível.

Sempre que possível também, agilize tudo o que não for trabalho. Existem certas coisas que simplesmente não fazem muita diferença quando você passa o dobro do tempo nela. Existem também coisas que não tem nenhum sentido. Tente focar somente naquilo que produz os maiores resultados. Elimine o restante.

6. Foque em menos

Se você é preguiçoso como eu, provavelmente não quer passar tempo desnecessaário fazendo trabalho não-efetivo. É muito melhor trabalhar numa ideia maravilhosa, do que em 20 outras medíocres. Foque em produzir menos. Não sacrifique qualidade para preencher uma cota arbitrária.

7. Deixe as coisas acontecerem

Tentar forçar as coisas a saírem do jeito que você espera não apenas é estressante, é também não muito inteligente. É melhor guiar as coisas do que tentar fazê-las marchar como um ditador. Tente deixar as coisas acontecerem, em vez de fazê-las acontecer. Lembre-se de que um pequeno leme dirige até o maior dos navios.

8. Não faça que está funcionando

O matador de sonhos número um é fazer o que está funcionando. Nós seguimos um modelo do que funcionou para as outras pessoas. Mas apenas porque escalar a carreira corporativa funciona, não quer dizer que é o melhor para você. Se você é esperto e quer ser preguiçoso, vai seguir o seu próprio caminho. Vai trabalhar com suas forças, em vez de tentar seguir um determinado padrão de efetividade.

É muito mais fácil aplicar suas estratégias úincas, do que forçar você mesmo em um modelo arbitrário.

Essas coisas podem parecer que requerem um trabalho diligente, e realmente requerem. Porém também permitem que você ganhe tempo livre para ser tão preguiçoso e não-produtivo quanto quiser ser.

Traduzido de Zen Habits

Receba as atualizações

1 Comentário

  1. Excelente! – uma espécie de flechada!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *