Quando traçamos metas, tendemos a ser bem ambiciosos. Pensamos em perder dezenas de quilos, em ganhar dezenas de milhares de dinheiros, em abandonar dezenas de comportamento e adquirir outros tantos.

Isso tem um lado positivo que é nos incentivar a ir atrás daquela meta. Mas acaba nos frustrando por estarmos sempre tão longe do destino final. Depois de algumas semanas, perdemos a motivação. Esse desejo inalcançável acaba gerando bastante sofrimento.

Não seria mais inteligente se traçássemos mini-metas, bem fáceis de serem alcançadas?

Por exemplo, perder 50 quilos em dois anos parece ser uma tarefa hercúlea. Mas perder 500 gramas na próxima semana é algo bastante factível.

Se você estabelece essa mini-meta semanal, tem grandes chances de conseguir cumpri-la. O prazo está ali, na esquina, o esforço não é tão grande… é até provável que você consiga ir além da meta.

Ao final da semana, motivado pelo resultado alcançado, você traça uma nova mini-meta. Mais 500 gramas?

Se você mantém essas mini-metas com consistência, em breve estará mais próximo do seu sonho de emagrecer 50 quilos. Para ser preciso, em 100 semanas, menos do que os dois anos.

O segredo é não pensar na meta maior e sim ir construindo o sonho um tijolo de cada vez, com passos bem pequenos porém consistentes.

Estamos dando o exemplo da perda de peso, mas pode ser qualquer coisa. Ler mais, ganhar mais dinheiro, viajar mais, correr mais rápido… tudo o que possa ser quebrado em mini-metas serve.

O prazo de uma semana é o ideal porque você tem um horizonte claro e próximo, o que não o permite sair muito da linha. o fato de ser uma meta pequena e factível de ser alcançada também o incentiva a manter-se na linha.

Unifique isso com outras dicas que já demos aqui, como o comprometimento público e o uso de ferramentas apropriadas, e você estará bem perto de finalmente cumprir aquelas metas que há tantos anos não passam de planos no papel.

Receba as atualizações

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *