Um considerável pedaço do terreno da Flórida, nos Estados Unidos, é tomado por pântanos. Inclusive muitos terrenos da cidades próximas a Miami foram drenados para a construção civil.

A pergunta que fica é: para onde vão os jacarés e crocodilos que viviam naqueles pântanos?

Para o Parque Nacional dos Everglades, uma área de preservação que fica com o que restou das regiões pantanosas da Flórida.

Estive lá para um passeio de um dia em um aerobarco, e já adianto que vale muito trocar as tediosas visitas a shoppings da região pela ida aos Everglades.

O aerobarco nada mais é do que um barco comum movido por duas hélices gigantes, cujo vento gerado impulsiona o barco pelos pântanos dos Everglades em busca de jacarés e crocodilos.

O mais interessante é que esses pântanos tem 20, no máximo 30 centímetros de profundidade, ainda assim o aerobarco consegue deslizar suavemente pelas águas e plantas, mesmo levando uma pá de gente dentro.

Como cada barco possui duas hélices, o controle de direção é feito colocando potência a mais ou a menos em uma hélice ou outra. Isso faz com que o aerobarco deslize lateralmente pelo espelho d’água, de uma forma bem diferente dos barcos comuns.

No vídeo abaixo eu tento mostrar um pouco de como é a sensação dentro do aerobarco, mas não sei se consegui. Se você já viu o filme da série Velozes e Furiosos: Tokyo Drift, pode entender melhor do que estou falando.

Jacaré friorento

Como estava frio no dia, não deu para ver muitos jacarés livres colocando a cabeça para fora do pântano. Não encontrei também o Dr. Curt Connors.

Por outro lado, no final da expedição, o parque nacional mantém um pequeno zoológico com répteis de todas as partes do mundo. E ainda faz uma apresentação com um guia explicando a diferença entre jacaré e crocodilo e como esses animais se comportam.

Jacaré na Flórida

O guia era tão íntimo do animal que fazia apresentações arriscadas, enfiando a mão e até mesmo a cabeça dentro da boca do jacaré. Ou do crocodilo, sei lá.

Antes da saída, eles convidam os corajosos a tirarem uma foto segurando um filhote de jacaré. Mas esse desafio eu passei…

Receba as atualizações

Publicado por Walmar Andrade

Criador do Mude.nu, Walmar Andrade é bacharel em Comunicação Social, com extensão em jornalismo on-line (UFPE), MBA em Planejamento, Gestão e Marketing Digital (FECAP-SP) e Master en Comunicación Empresarial (INSA-Barcelona). Escreve sobre comunicação e marketing digital no blog Fator W.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *