Como estudar inglês por conta própria e gastando pouquíssimo dinheiro

C

Uma das minhas metas é melhorar bastante o meu inglês. Para cumpri-la, criei – com a ajuda do GTD – um sistema para ter contato com o idioma diariamente, sem que isso se torne uma tarefa chata.

Decidi dedicar no mínimo 40 minutos por dia ao estudo do inglês, incluindo sábados e domingos. Tentei fazer as coisas de um jeito que eu praticasse tanto a audição quanto a leitura e a escrita. Só ficou faltando encontrar uma maneira de praticar o falar. Tentei as salas do Skype e alguns sites, mas não me aprofundei em nenhum ainda.

O primeiro passo foi baixar um monte de seriados e encontrar as legendas em inglês em sites como o Legendas.tv. Essa é a melhor tarefa, não só por eu gostar de seriados como Fringe, Game of Thrones e The Big Bang Theory como também pelo fato de estar – além de ouvindo – lendo e vendo o que está acontecendo. Dessa forma, mesmo as palavras que não conheço começam a fazer sentido, ampliando meu vocabulário.

Para a leitura, a saída foi desinscrever-me de um monte de feeds de blogs em português e procurar similares em inglês. Dessa forma diariamente tenho conteúdo em inglês para ler, mas separei o domingo para ler um texto maior e com calma, compreendendo exatamente o que estou lendo.

Inglês com a Rainha Elizabeth II
How u doin?!

A terça-feira é um dia dedicado à escrita. Procuro escrever um post ou um comentário em blog gringo todo em inglês, procurando obedecer as regras gramaticais. A escrita é minha pior habilidade no idioma, então ainda tenho que praticar muito.

Na quinta e no sábado eu faço exercícios de uma gramática que tenho com exercícios e respostas. É uma parte chata, mas necessária. Por fim, tenho a sexta-feira reservada para traduzir algum artigo que ache interessante do inglês para o português.

Vale ressaltar que eu estudei inglês durante um bom tempo, mas quando era muito pequeno (fiz o curso completo dos meus 6 aos 16 anos). Depois paguei uma cadeira de inglês instrumental na faculdade, em 2001, e de lá para cá deixei o inglês enferrujar. Agora estou tentando tirar o atraso, mas sem pagar cursinhos que na minha opinião não valem o investimento.

Sobre o autor

Walmar Andrade

Criador do Mude.nu, Walmar Andrade é bacharel em Comunicação Social, com extensão em jornalismo on-line (UFPE), MBA em Planejamento, Gestão e Marketing Digital (FECAP-SP) e Master en Comunicación Empresarial (INSA-Barcelona). Escreve sobre comunicação e marketing digital no blog Fator W.

26 comentários

  • I can speak by my own example. I began to learn english when I was twelve. Some friends of mine have gave some books like a gift.. then since there …

    good luck for you too

    AASSSILVA

  • Você conhece o método Pimsleur de aprendizado de línguas?
    Para quem é nativo no português e quer aprender inglês, o curso é de 30 aulas sucessivas, 30 minutos por dia.
    Pra quem não acredita, dá uma pesquisada na net.

    • @Antonio_Alves eu já ouvi falar sim no método do Paul Pimsleur, mas nunca o utilizei nem conheci pessoalmente ninguém que o utilizasse.

      Você está estudando de acordo com esse método? Em caso positivo, topa escrever um relato aqui para o Mude.nu contando como tem sido o aprendizado?

      Abraços!

    • @Roberta_Klein nunca fiz Wise Up, mas é bem falado né? A minha mãe fez por um tempo e lembro que ela elogiou muito.

    • Estou fazendo Wise UP, Itermediate III.
      Tem mais alguem aí fazendo tbm…
      I would like of partners… pleeeease…rsrs

  • Estou fazendo Wise UP, Itermediate III.
    Tem mais alguem aí fazendo tbm…
    I would like of partners… pleeeease…rsrs

  • Eu penso, na verdade, em começar a aprender inglês depois de aprender espanhol. Lembro que quando fazia curso era uma das melhores da minha turma, mas não por ser nerd, acho na verdade que a turma que não ia bem. Era um monte de adolescentes sendo obrigados a fazer um curso – inclusive eu – a diferença era que eu me dedicava um pouquinho mais que os outros – mas nem tanto, tinha dias que chegava 30 min mais cedo pra fazer as lições de casa que esquecia que seriam cobradas naquele dia. O curso que fiz foi muito ruim, troquei de professor umas 3 vezes e muitas vezes nos colocavam para assisti um filme – COM LEGENDAS EM PORTUGUÊS! Acho que foi isso que me desmotivou mas gosto da língua e gostaria muito de pegar fluência =D

  • Walmar, como está seu processo de aprendizado? Continua com o esquema de 40 min. diário?

    Aceitei o desafio e vou começar assistindo meus vídeos pra concurso da LFG – pq tenho que assistir de qualquer forma. E penso em alternar com o espanhol. Uma hora por dia. Acabando os vídeos farei o que vc fez, ou Duolingo ou Pimsleur, preciso pesquisar melhor. O start foi dado, inicio os vídeos hj!

    • Oi @Roberta_Klein

      Não estou seguindo mais o esquema de 40 min. diários, mas como sempre acompanho vários seriados americanos e os vejo com legendas em inglês, dá mais ou menos isso. Também leio muito, diariamente, um monte de blogs em inglês que assino no Feedly.

      Só não tenho mais estudado a parte de gramática. Ano passado passei algumas semanas estudando inglês na Califórnia, caí na turma avançada e consegui acompanhar bem tranquilamente.

      Boa sorte no seu desafio!

      • Oi Walmar, vc poderia compartilhar conosco alguns blogs em inglês dos quais vc gosta. De repente alguns de nós podem se identificar com os seus blogs e assim aprender mais facilmente tentando entender assuntos interessantes. Abraços!!

      • @BrunoErick_Andrade

        Eis alguns:
        Zen Habits
        Nerd Fitness
        RyanHoliday.net
        Copyblogger
        LiveYourLegend
        Tim Ferriss
        Mark Sisson Daily Apple

  • Oi, Walmar!
    Adorei seu método e tenho um similar, mas com trabalho e faculdade não consigo fazer todos os dias.
    Além disso faço cursinho tb!
    Mas, como você, ainda tenho dificuldade na escrita…

    Você, ou alguém por aqui (rs), conhece algum outro método que foque nessa área?!

  • I’m going to try your method and improve all my skills in english. Just as you I have too much difficulty to write. But I also think the courses are good options to help who wants to learn a lit bit in a short time.

  • Olá pessoal,
    Aceitei esse desafio e gostaria muito de falar fluente.
    Todos os dias vejo seriados em inglês sem legenda ou um filme em inglês sem legenda para treinar o listening.
    Meus desafios serão:
    Treinar o writing e reading. Quero ler pelo menos um livro em inglês por mês.
    Estou lendo agora :”Como fazer amigos e influenciar pessoas”em inglês. Baixei um app “Free Books”, que tem vários livros gratuitos em inglês.
    Pelo menos uma vez por semana entro no BBC e faço exercícios e no EngVid: http://www.engvid.com/
    Mas sinto que preciso estudar com mais frequência e treinar o speaking tb.
    Um blog que entro com frequência é “Inglês na Ponta da Língua” que tem muitas dicas.

  • Walmar em relação aos filmes com legendas em inglês quando aparece alguma palavra ou expressão desconhecida você procurava anotá-la e assim estudar posteriormente veio essa dúvida aqui.

    Abraço

    • Rafael,

      Não anotava não… eu tento entender pelo contexto, porém às vezes uma coisa ou outra passa. Hoje em dia eu creio que consigo entender bem 90% do que é falado. Quando se trata de séries, acho que até mais, pois você já se acostuma com o jeito com o que os personagens falam e o universo da série.

Siga o Mude.nu