Muito escutamos sobre aquecimento global, efeito estufa, catástrofes naturais, desmatamento, extinção de espécies e tudo mais. A princípio, nos chocamos e pensamos que temos que mudar nossas atitudes. Mas a verdade é que logo depois nós nos distraímos com a novela das nove, com o iPhone ou pensando no trabalho de amanhã, e esquecemos completamente esse problema, que cada vez mais, está batendo às nossas portas.

Inconsciente ou conscientemente, sempre tentamos adiar esse confronto. Porque quando se trata de ser mais sustentável para poder reduzir os problemas ambientais que estamos vivendo, tendemos a achar que a responsabilidade é dos políticos e dos empresários, nunca nossa. Tentamos tirar o “nosso” da reta, porque para enfrentar esses problemas, temos que mudar a nós mesmos antes de mais nada, e isso soa quase como uma ofensa para a maioria das pessoas.

Acreditamos que o problema sempre está no futuro, nunca agora… por isso, não agimos. Mas já passou da hora de sermos os passivos dessa história. Chegou o tempo de pararmos e pensar desse jeito, de tomarmos para nós essa responsabilidade e começar a fazer a diferença. E se você não acha que a sustentabilidade seja uma causa pela qual valha a pena você mudar seus pensamento e suas atitudes, repense seus conceitos. Porque não estamos falando aqui somente das conseqüências ambientais mais óbvias. Ser sustentável ou não, é uma decisão que vai impactar não somente o meio ambiente, mas o futuro de toda a humanidade.

Basta olharmos o atual sistema econômico mundial. O capitalismo moderno exige que o PIB dos países e as receitas das empresas continuem crescendo indefinidamente, e tentar pensar no cenário contrário é uma hipótese quase inaceitável. Esse simples fato prova que estamos vivendo uma situação insustentável, porque é simplesmente impossível crescer indefinidamente num planeta de recursos finitos.

Uma hora ou outra, chegaremos ao momento em que a taxa de renovação dos recursos do planeta será menor do que a quantidade da qual necessitamos para manter o nosso estilo de vida. E sinceramente, este não é um futuro muito distante, dado o fato de que cada vez mais, aumentamos o nosso consumo e diminuímos as taxas de renovação de recursos do planeta. E este será um dia para se temer, pois ou sistema econômico viverá um colapso sem precedentes na história ou poderemos viver a maior guerra jamais vista. E com certeza muitas guerras já começaram por menores motivos.

Então ou começamos a agir agora, independentemente ao fato de aparentemente não termos o poder de mudar muitas coisas sozinhos, ou podemos esperar que o caos econômico global que nos espera no futuro, se torne realidade.

Nós temos a oportunidade de mudar o futuro do planeta, mudando as nossas próprias atitudes, para isso, nada melhor do que começar dizendo: “Eu quero ser mais sustentável”.

Receba as atualizações

Publicado por

2 Comentários

  1. Adorei Vinicius!!!!! Seu texto é maravilhoso!!!!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *