Querido filho,

Como nesta semana comemoramos o Dia dos Pais, decidi escrever uma carta dedicada a você. São coisas que gostaria de ter sabido quando iniciei minha caminhada sozinho neste mundo. Poderia ter escrito uns cinquenta itens, mas entendo que uma lista mais enxuta terá um impacto maior. Alguns eu acertei, outros errei feio. É algo pra você ler de vez em quando. Pode ser que o ajude na sua busca.

1. Você é o resultado de suas escolhas. As pessoas tem a mania de culpar Deus ou a vida pelos seus erros, mas na verdade não existem vítimas. Você é vítima de você mesmo. Assuma suas rédeas. Se você decidir ser feliz você será feliz. Se você fizer alguma estupidez, será cobrado pelo erro. Não duvide disso.

2. Case com quem você ama. Casamento é um troço que tem tudo pra dar errado. São duas pessoas com criações diferentes, morando juntas, tentando criar seu próprio mundo, sua própria história. Por isso mesmo, case com quem você ama, pois se amando já é difícil, imagine sem amar. Escolher uma esposa não é o mesmo que escolher um peixinho no pet shop. Conheço gente que casou com o contracheque e o resultado foi desastroso. Não é sustentável viver com alguém assim. Escolha alguém que o faça rir e que você goste de conversar. Você vai sentir quando encontrar. É mágico.

Eu e meu filho.

Eu e meu filho.

3. Seu corpo, seu templo. Cuide com carinho de seu corpo. Não é cultuar o corpo, mas entender que as suas reservas somáticas não são infinitas. Se você comer hambúrguer todo dia o corpo vai cobrar seu preço. Ele sempre cobra. Pode demorar, mas um dia a conta chega. A ideia é simples por trás disso. Quanto mais tempo você passar aqui com qualidade, mais oportunidades de viver experiências você terá e uma pessoa mais completa você vai se tornar.

4. Não rompa as relações com Deus. Deus não é o culpado pelos seus erros (vide item 1). Você tem que entender que nem sempre os problemas tem uma solução imediata. Nestes casos, quando tudo ficar confuso, tudo que Ele quer é que você pare de se debater e se entregue. Se você ficar pulando de raiva no sofá Ele não vai conseguir se aproximar de você. É a lógica da coisa. É como um rádio com a sintonia ruim. Você não estará apto a captar a mensagem. E sempre agradeça. Tudo faz parte de um grande plano que você mesmo escolheu, com o aval Dele.

5. Cuide de suas finanças, desde seu primeiro salário. Leve este conselho muito a sério. Quando somos mais novos a impressão que temos é que a vida vai conspirar financeiramente a nosso favor. Não vai. Não seja impulsivo nas suas compras. Se você se tornar refém dos seus desejos materiais, você está frito. Separe um tanto por mês para a sua aposentadoria. Quanto mais cedo você entender isso, menos você vai sofrer, pois a velhice é o momento que estamos mais fragilizados.

6. Tudo passa. Quando estiver passando por uma situação difícil, imagine que daqui um tempo você estará rindo ou sequer lembrará dessa situação. Daqui uns anos escovar o dente, que é uma tortura pra você hoje, fará parte do seu cotidiano. E sempre será assim. Sua vida será mais doce se você desenvolver esta habilidade.

7. Colecione aventuras e desafios. Tem gente que passa uma vida correndo atrás de estabilidade. Estabilidade nas relações, no trabalho, financeira, etc. Estabilidade é um conceito relativo. O que hoje parece eterno, amanhã vira pó. Um dia todos realizaremos a grande passagem. Utilize este intervalo aqui para ter uma vida extraordinária. No balanço final, o que conta, acredito eu, são as aventuras que você viveu. O mundo está lá fora esperando por você.

8. Uma hora o muro cai. Por mais difícil que seja a situação, por maior que pareça o obstáculo, se você usar sua força de vontade ininterrupta, ele vai cair. Você vai chorar, vai se sentir desesperado, mas acredite, tudo tem uma solução. O mundo está cheio de cavalos paraguaios que disparam na frente, mas acabam cansando. A vida exige resistência. Não conte os dias para o muro cair, apenas feche os olhos e baixe a porrada, com disciplina e calma. Você não faz ideia do que um esforço sistemático é capaz de fazer.

9. Seja humilde para aprender. Há pessoas que vivem com medo de fazer por ter medo de errar. Não tenha medo de errar. Você é a pessoa mais corajosa que eu já conheci. E olha que eu conheci muita gente corajosa. Encare os medos de frente e aprenda com eles. A retroalimentação do resultado dos erros vai aperfeiçoar sua vida. Seja humilde para aprender e escutar. Todos tem algo a nos ensinar. Sempre há uma lição implícita em todas as situações, mesmo que não seja imediatamente aparente.

10. Encontre o equilíbrio fino. Tudo tem um ponto de equilíbrio. Você vai cometer certos exageros de vez em quando. A sabedoria está no “quando”. Se você puxar demais a corda arrebenta. Se você afrouxar demais, ela se solta. Acertar na medida é um dos grandes desafios da vida. Se mesmo assim você errar, entenda que é normal e que todos os erros e problemas fazem parte do grande currículo da vida.

No mais, se você se encontrar sozinho e com medo, lembre-se que você sempre tem um lugar pra voltar. Sua mãe adora cozinhar pra você.

E chegando aqui eu explico tudo novamente se precisar.

Com amor,

“Papa-capim”.

Receba as atualizações

Publicado por

4 Comentários

  1. Muito tocante, acho que um dos grand

    Responder
  2. Muito tocante, acho que um dos grandes desafios de ser pai é encontrar o equilíbrio entre dar os conselhos necessários para “adiantar” a vida do seu filho, não deixando ele errar onde você errou, e ao mesmo tempo deixar que o garoto ande com as próprias pernas, crie sua própria história de vida. As dicas do artigo juntam os dois – aí não tem nenhum peixe, mas um ensinamento de como pescar. Por mais que sejam preciosos conselhos, quem vai ter que colocar em prática é o seu filho, do jeito dele, com as características dele. É fácil dizer “estude Direito porque tem boas oportunidades na carreira”, difícil é falar “faça o que goste e te complete, mas saiba que precisa colocar o jantar na mesa”, e aceitar a escolha do seu filho. Penso que essa carta tem esse espírito: aqui estão meus conselhos, filho, mas a vida é sua para ser vivida.

    Responder
  3. Tenho certeza, que com esses 10 itens, seu filho terá uma vida mais plena se seguir seus conselhos… Queria eu ter ouvido isso do meu pai :)

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *